quinta-feira, 17 de julho de 2014

Boeing 777 da Malaysia Airliners "cai" na Ucrânia

Um Boeing 777-200 com 295 pessoas da Malaysia Airliners caiu no início desta tarde (17) em território Ucraniano. A aeronave realizava o voo MH17, entre Amsterdã, na Holanda, a Kuala Lumpur, na Malásia. De acordo com a agência russa Iterfax, haviam 280 passageiros e 15 tripulantes. 

Com este acidente, será a segunda tragédia em 2014 envolvendo um Boeing da companhia Maláia. Em março, desapareceu a aeronave do voo MH370, com 227 passageiros e 12 tripulantes. A companhia já confirmou a perda de contato com a aeronave via twitter.
Malaysia Airliners confirmou perda de contato com o Boeing que realizava o voo MH17.

Um assessor do Ministério do Interior da Ucrânia, Anton Gerashenko, afirmou no Facebook que o avião voava a uma altitude de 10.000 metros quando foi "atingido por um míssil disparado por um lançador Buk", segundo a Associated Press.

O lançador Buk é um um blindado de artilharia de fabricação russa que dispara mísseis terra-ar. Um veículo semelhante foi visto na cidade ucraniana de Snizhe mais cedo nesta quinta-feira por um dos jornalistas da agência Associated Press.

Boeing 777-200 / 9M-MRD

Nenhum comentário: