Aeroporto de Rio Verde fecha e voo alterna para Goiânia

Ontem, dia 24, o aeroporto de Rio Verde - GO fechou devido ao mau tempo que atingiu a cidade no fim da tarde e início da noite. Com isso, o voo da Azul 2512, operado pelo ATR 72-600 PR-ATE, que partiu de Campinas - SP às 15h45 e tinha pouso previsto para as 17h40 não conseguiu pousar no interior goiano e teve de alternar para capital goiana.

No aeroporto de Goiânia, os passageiros desembarcaram e seguiram em Vans e Micro-ônibus até a cidade de Rio Verde - GO. Após reabastecimento, o ATR 72 da Azul retornou apenas com a tripulação para Campinas - SP.

Faz alguns dias que o Aeroporto de Rio Verde está com o balizamento noturno inoperante. Com isso, qualquer atraso no atual voo 2512/2513 traz prejuízos para os passageiros e a companhia. Como a previsão de reparo é apenas para o início de Agosto, a Azul já solicitou alteração de horário do atual voo. A partir do dia 28 de julho, o voo de Campinas - SP pousa em Rio Verde - GO às 17h00 e decola às 17h25 para o retorno imediato.

© GYN Online - PR-ATE em Goiânia


Comentários

Lucas RVD disse…
Não sei se a informação sobre o balizamento noturno do aeroporto de Rio Verde estar inoperante procede, porque ontem à noite houve decolagem do aeroporto e na sexta passada o Learjet 45 PR-HVN do Grupo Havan pousou no aeroporto no período noturno em virtude da inauguração da loje no sábado de manhã. A Azul solicitou a ANAC o retorno do vôo 2510 e 2511 de segunda à sexta, 2918 aos sábados e 2920 aos domingos, com data de vigência para 13/09/2014.
Maurício Alves disse…
Lucas, temos os pedidos da AZUL com a justificativa para alteração de horário.
Lucas RVD disse…
Pois é, Maurício Alves, estranho essa justificativa. Talvez o balizamento não esteja confiável e não esteja funcionando corretamente. Ou será que tem aeronave decolando as escuras? Faz mais de 3 anos que noticiam por aqui que o Governo de Goiás, através da AGETOP, e recentemente através do Governo Federal no Plano de Aeroportos Regionais, fará uma reforma no aeroporto, ampliando a pista no comprimento e largura e construindo um novo terminal de passageiros, mas até agora não passou de "fofoca" política. Dizem que até a verba já foi liberada. É uma vergonha Estado rico como o nosso ter aeroportos precários.
Luan Silva disse…
Só esclarecendo, O balizamento noturno de Rio Verde de fato está totalmente inoperante. Um transformador elétrico do sistema queimou, deixando todo o balizamento sem corrente elétrica. Ontem a noite nenhuma aeronave decolou de Rio Verde porém havia uma aeronave que passou na vertical de Rio Verde por volta das 22hrs, e na Sexta-feira o lear da havam pousou realmente a noite, porém sexta o balizamento estava operante. O sistema de pane na terça-feira a tarde, logo em seguida entrou o Notam.
Jadir Carvalho disse…
Fico pensando: Quando será que Rio Verde vai deixar de pensar e agir como "currutela, e fazer as coisas COMO TEM QUE SER. As pessoas aqui se conformam facilmente com POUCA COISA. A cidade só está crescendo em número de habitantes, mas em qualidade, fica muito a desejar.
CLAUDIO Louzada disse…
Falta aos aeroportos aproximações, pousos e decolagens baseados em informações precisas de GPS. Claro, balizamento, Papi e outros equipamentos funcionando devidamente.
Saudações,