Governo de Goiás retomou obras em aeródromos no Estado

O Agetop construirá trinta e quatro aeródromos este ano em Goiás, dos quais catorze já estão em obras. Em sete aeródromos os serviços estão em fase final, como por exemplo, a adequação de Alto Paraíso de Goiás, Aragarças, Aruanã, e do município de Catalão, neste último caso falta executar a sinalização horizontal, que é a demarcação da pista de pouso.



Entre as catorze obras em andamento, quatro são de construção de novos aeródromos – Caiapônia, Ipameri, Mineiros, São João dos Bandeirantes (Nova Crixás), e dez são de adequação dos aeródromos já existentes.

Além das obras em andamento, o Governo prevê o início da construção e adequação de aeródromos em mais vinte municípios. De acordo com a Diretoria de Obras Rodoviárias da Agetop, o objetivo do Governo é que Goiás se torne o terceiro Estado em infraestrutura aeroportuária, atrás apenas de São Paulo e Minas Gerais. Neste mês será licitado o mais importante deles, a conclusão do remanescente do Aeroporto de Cargas de Anápolis, que será um pólo aeroportuário para distribuição da produção com valor agregado vinda do Centro-Oeste e de vários Estados brasileiros.

NOVOS PROJETOS: Entre os vinte projetos de novos aeródromos para serem iniciados este ano, doze já estão licitados, com obras previstas para este semestre - nos municípios de São Luís dos Montes Belos, Cristalina, Campos Belos de Goiás, Formosa, Iporá, Niquelândia, Pirenópolis, Porangatu, Quirinópolis, São Simão, São Miguel do Araguaia. O restante está em fase de licitação.

Fonte: AGETOP

Comentários

Lucas RVD disse…
Deuxam pra fazer as coisas em ano eleitoral... Devem pensar que o povo goiano é trouxa ou tem a memória curta! IMPRESSIONANTE!