Mundo da Aviação

A Azul iniciou a operação dos primeiros ATR 72
A Azul iniciou no dia 01/03 a operação com seus dois primeiros ATR 72-200 para 66 passageiros. As aeronaves ligarão Campinas a São José do Rio Preto e a Ribeirão Preto. A companhia irá investir pesado no interior paulista. Já solicitou voos para Araçatuba, Marília e Presidente Prudente. Todos os novos voos serão operados com o ATR 72. A companhia também solicitou novo voo ligando Campinas a Uberaba, ligando sua base ao triângulo mineiro.

Novos E-jets para a TRIP
A companhia fechou com a Embraer a compra de 4 novos Embraer 190 com capacidade para 110 passageiros que deverão começar a ser recebidos no final do ano . Antes, a companhia acertou o leasing de três E190 da Flybaboo. O primeiro já está no Brasil, precisamente em Porto Alegre onde será reconfigurado e pintado. Dentro de dois meses a aeronave já deve estar voando nas cores da TRIP.

Passaredo adia decisão de transferência para Goiânia
A decisão final deve ficar para junho, pois o Governo de São Paulo junto a prefeitura de Ribeirão Preto pretende não medir esforços para manter a companhia na cidade. O maior motivo da transferência é pelo incentivo fiscal -em São Paulo, o ICMS sobre o querosene de aviação é de 25% e, em Goiás, de 3%. "Vamos aguardar porque, para nós, seria melhor continuar em Ribeirão por conta até dos investimentos já feitos. Conseguimos uma pré-agenda com o governo estadual para expor nossos planos", afirmou o presidente da Passaredo.

Webjet já tem espaço definido para loja em Goiânia
Já está definido o espaço que loja de vendas da Webjet ficará no Aeroporto de Goiânia. O espaço já foi a primeira loja da GOL no aeroporto e recentemente estava sendo ocupado pela Abril para vendas de assinaturas de revistas. O espaço fica ao lado do checkin da Passaredo. Apesar de ter o espaço para loja definido, a grande incógnita é onde ficará o checkin da Webjet. Dizem que a companhia está em plena negociação com a Infraero para usar dois balcões, sendo um da GOL e um da TAM. As solicitações de voos para Goiânia ainda não foram aprovadas pela ANAC.

Comentários

Anônimo disse…
QUE LEGAL NOS POTS ANTERIORES TEM UM COMUNICADO DIZENDO QUE O GYN ONLINE É SÓ PARA NOTICIAS DE GOIAS... MUITO ESTRANHO ISSO COM ESTE POST DA AZUL ATR
Anônimo disse…
^^^^ Alguns têm satisfação em criticar.
Maurício Alves disse…
Não estamos entendendo onde algumas pessoas estão querendo chegar. Se colocamos noticias de somente aviação em Goiás, FALTA NOTÍCIA e o GYN Online fica parado. Se queremos compartilhar outras notícias o pessoal acha ruim. Nada que fazemos está bom ou agrada. Em vez de ajudar, muitas pessoas querem criticar. Goiás nunca teve um site que falasse somente de aviação, agora que tem em vez de apoio recebemos muitas críticas. Não quero dizer que nao é para recebermos críticas, mas quando elas são somente para tumultuar preferimos não receber. Críticas construtivas, sugestões são MUITO BEM VINDAS!
- я σ σ ☆ disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse…
Pessoal, não liguem para esses comentários inúteis de pessoas desocupadas. Esse blog está ótimo, e não está faltando nada. Eu venho aqui todos os dias, e quando não há notícias, eu volto no outro dia. E não vejo nenhum problema, continuem assim, e ignorem esses comentários sem fundamento. Quem não está satisfeito é problema de quem não está satisfeito, pois eu estou muito satisfeito. Obrigado!
EMPRESA disse…
Estou acompanhando este debate. Pesquisei e vi que a ANAC e a INFRAERO não tem controle sobre a distribuicao dos SLOTS. Que estes sao controlados pelas empresas aéreas ,de acordo com seus interesses e melhor conveniencia , não levando em conta a infraestrutura ideal dos aeroportos . Não seria o caso de mudar este modelo? Alguem sabe como esta distribuicao e realizada nos EUA e nos principais paises da Europa?
Roberto J Pereira
Anônimo disse…
o que é SLOTS?
Anônimo disse…
Anônimo: slots são o: "horários do võo com a reserva do espaço no pátio de um determinado aeroporto".

Roberto:
Li a sua observação acima sobre a distribuição dos SLOTS e é a pura verdade. O Ministro da Defesa, Nelson Jobin, em recente declaração,a Alexandre Porto, em 07/01/2011, disse textualmente que:
– “Você tem que mudar o modelo. O modelo de hoje é de liberdade tarifária e liberdade de rota. Quem escolhe e define a rota é a empresa aérea......”

Sabe porque isto funciona assim? Porque nem a ANAC nem a INFRAERO tem controle sobre as questões básicas de gestão da infraestrutura (incluindo hora pico) dos aeroportos e nem do planejamento prévio das empresas aéreas.

O modelo de gestão tem que ser alterado.
Anônimo disse…
Como é que é????????????
Isto é verdade?????
As aéreas é que escolhe os horários???????
E o Que este Ministro está fazendo para mudar este modelo??????
A INFRAERO NÃO TEM CONTROLE DAS HORAS PICOS DOS AEROPORTOS???
E como é que é que o Brasil vai sediar grandes eventos??????
Que vergonha!!!!!!
Anônimo disse…
é Roberto. Você tem toda razão. Os SLOTS são escolhidos pelas aéreas, e a ANAC E InfraerO aceitam SIMPLESMENTE PQ NÃO SABEM AS VERDADEIRAS HORA PICO DOS AEROPORTOS, ALÍAS , A INFRAERO NÃO SABE NEM QUANTOS APARELHOS AMBULIFT tem em condições de uso. Vide o caso ontem nos jornais, da Deputada cadeirante Mara Gabrilli, no aeroporto de Guarulhos.é uma vergonha
Maurício Alves disse…
Pessoal, estas informações estão um pouco infundadas. A companhia solicta o SLOT para ANAC. A ANAC verifica com a INFRAERO questão de segurança, espaço, situação do aeroporto, horário. Se algum desses quesitos emperrar automaticamente o SLOT é negado e acompanhia tem que alterar horário, algo que deu problema. O que faz a companhia é pedir voo para ANAC em qualquer horário, cabe a ANAC e INFRAERO aceitar. Se fosse liberado assim, Aeroporto de Congonhas e Santos Dumont estaria aborratado de voos de todas companhias e não é bem assim que vemos. Aqui mesmo em Goiânia tivemos vários voos negados, voos novos da Azul para Rio de Janeiro e Manaus, Voo para Caldas Novas. A Webjet teve seus primeiros pedidos negados, refez agora para Maio. Então não é assim tão "liberado".
- я σ σ ☆ disse…
Este comentário foi removido pelo autor.